Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Luiz Felipe Leite

Abertura de novas empresas em São Paulo bate recorde em outubro

O número de empresas abertas no Estado de São Paulo em outubro bateu mais um recorde. Segundo a JUCESP, a Junta Comercial do Estado de São Paulo, 24.734 novos cadastros de pessoas jurídicas foram feitos no mês passado. É o sexto aumento consecutivo de aberturas de novas empresas em São Paulo, apesar da pandemia da Covid-19.

As informações foram divulgadas em uma coletiva de imprensa feita pela internet no fim da tarde desta quinta-feira (5), transmitida do Palácio dos Bandeirantes, sede do Governo de São Paulo.

Os recordes de abertura de empresas foram registrados desde abril, período em que, na avaliação da JUCESP, houve a desaceleração da economia devido aos impactos sofridos pela pandemia do coronavírus. O registro mais recente supera o mês de setembro, quando foram abertas 23.205 empresas, número que já havia sido o maior em 22 anos.

Segundo o governador de São Paulo, João Dória (PSDB), os dados reforçam que há um aumento na confiança dos empresários e, também, existe uma recuperação econômica em andamento no Estado.

Na avaliação da secretária de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado de São Paulo, Patrícia Ellen, a dispensa de tarifa para abertura de novas empresas foi um incentivo pra continuidade da recuperação econômica de São Paulo.

A isenção de tarifas pra abertura de novas empresas em São Paulo foi concedida entre 25 de agosto e 23 de outubro contemplando todos os tipos jurídicos de empresas. Neste período, ainda segundo a Junta Comercial do Estado de São Paulo, foram registrados 48.879 novos negócios no período de isenção contra 42.124 no mesmo período em 2019. 

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Povo de Deus