Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Luiz Felipe Leite

Ajustes nos leitos de UTI pra casos de Covid estão sendo feitos, diz secretário de Saúde de Campinas

O aumento da demanda por leitos de UTI pra casos graves de Covid-19 em Campinas forçou a Prefeitura a fazer ajustes na rede de saúde. Mais 10 leitos foram disponibilizados no Hospital Ouro Verde, além da prorrogação dos leitos emergenciais. As unidades foram contratadas pela Administração Municipal de Campinas em hospitais privados e filantrópicos da cidade.

As medidas foram anunciadas no fim da manhã desta sexta-feira (4), em uma coletiva de imprensa transmitida pela internet do Palácio dos Jequitibás, sede da Prefeitura de Campinas.

Segundo o secretário de Saúde de Campinas, Cármino de Souza, existem 30 leitos de UTI pra casos de Covid-19 à disposição no Hospital Ouro Verde, considerando os 10 colocados em operação na última quinta-feira. Além disto existem mais 10 leitos no Hospital Mário Gatti, também administrado pela Prefeitura.

Apesar do aumento de casos e de mortes causados pela Covid-19 em Campinas, e da suspensão das cirurgias eletivas e de internações no Hospital de Clínicas da Unicamp, o secretário Municipal de Saúde afirmou que a situação dos leitos de UTI na cidade é estável.

Outro assunto abordado na coletiva de imprensa foi o plano de contingência da Prefeitura de Campinas contra a Covid-19. Ele deve ser apresentado nos próximos dias pra sociedade e também pro prefeito eleito de Campinas, Dário Saadi (Republicanos). Segundo o secretário de Saúde de Campinas, Cármino de Souza, o objetivo disto é deixar tudo pronto pra continuidade do combate à pandemia do novo Coronavírus.

Até o fechamento desta reportagem foram confirmados 44.528 casos e 1.393 mortes por Covid-19 em Campinas, além de 42.424 pessoas da cidade recuperadas da doença.

Imagem: Governo de São Paulo

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

A Voz do Brasil