Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Luiz Felipe Leite

Autoridades vão fazer diagnóstico do trabalho infantil na região de Campinas

Uma iniciativa do MPT (Ministério Público do Trabalho) pretende investigar o trabalho infantil em 13 cidades da região de Campinas. Isto vai ser feito por meio de um questionário, para mapear crianças e adolescentes em situação de trabalho.

As perguntas vão ser realizadas para descobrir quais atividades eles fazem, os locais onde trabalham, entre outras informações. As instituições de proteção da criança e do adolescente de alguns dos municípios, como CRAS, CREAS, Conselhos Tutelares e Secretarias Municipais vão participar do projeto.

As seguintes cidades deverão participar da iniciativa: Americana, Artur Nogueira, Campinas, Cabreúva, Hortolândia, Itatiba, Jaguariúna, Limeira, Pedreira, Piracicaba, Pirassununga, Sumaré e Valinhos.

A primeira reunião sobre o assunto foi realizada na última quinta-feira (15), na sede do Ministério Público do Trabalho em Campinas.

A iniciativa é coordenada pelo procurador do MPT, Paulo Crestana. Segundo ele, o trabalho infantil ainda é uma realidade.

Ainda de acordo com Paulo Crestana, vários motivos explicam a existência do trabalho infantil no Brasil na atualidade.

Foi concedido o prazo até 29 de agosto para que os representantes das cidades encaminhem sugestões de questões para o formulário de pesquisa. Uma nova reunião deve ser realizada no dia 16 de setembro, na sede do Ministério Público do Trabalho, em Campinas.

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Povo de Deus