Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Guilherme Maldaner

Brasil esnobou cúpula em que China ofereceu crédito de US$ 1 bi para vacina

O governo brasileiro deixou de ir em um encontro entre chanceleres latino-americanos e a China, em julho do ano passado. O objetivo da reunião era debater o acesso da região às vacinas que seriam produzidas no país asiático.

Além disso, houve o anúncio de uma linha de crédito de 1 bilhão de dólares, para permitir que os governos da América Latina pudessem ter acesso aos produtos.

A ausência do Brasil causou indignação no meio científico nacional. No Instituto Butantan, o país sofreu críticas internas devido à opção escolhida. A chancelaria brasileira não explicou o motivo da falta no encontro.

A reunião contou com os chanceleres da Argentina, Colômbia, Chile, Uruguai, Peru, Barbados, Costa Rica, República Dominicana, Cuba, Panamá, Equador e Trinidad e Tobago.

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Nenhum evento encontrado!