Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Celina Silveira

Butantan entrega mais 2 milhões de doses da coronavac ao Ministério da Saúde

O Instituto Butantan liberou para o Ministério da Saúde mais 2 milhões de doses da vacina coronavac nesta quarta-feira (17).

Com o novo lote, o Butantan soma 22,6 milhões de doses da vacina entregues para distribuição pelo Programa Nacional de Imunizações.

Segundo o governo de São Paulo, as entregas do IFA, insumo farmacêutico ativo, estão em ritmo adequado e um novo lote do insumo deve chegar da China na próxima semana para manter a produção das doses da coronavac.

Até o final de abril o Butantan prevê entregar as 46 milhões de doses da vacina contratadas pelo Ministério da Saúde e dar início ao segundo contrato com o governo federal que determina a entrega de mais 54 milhões até o final de setembro.

Durante a entrega dos 2 milhões de doses da coronavac, o governador João Doria reafirmou que é urgente que o governo federal assine contratos de compras de vacinas com outras farmacêuticas.

Atualmente, além da coronavac, o Programa Nacional de Imunizações distribui também a vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela Universidade de Oxford em parceria com a farmacêutica AstraZeneca. 

Nas últimas semanas, as aplicações do imunizante de Oxford e Astrazeneca têm sido suspensas em países europeus para investigar se o imunizante tem participação em eventos adversos graves, como coagulação do sangue.

Para o secretário estadual de Saúde, Jean Gorinchteyn, a ocorrência de eventos adversos moderados comprovadamente ligados à vacina de Oxford são mínimos quando consideradas as mortes por Covid-19 que são evitadas pelo imunizante.

Até o fechamento desta reportagem, mais de 10,6 milhões de brasileiros receberam a primeira dose de uma vacina contra a Covid-19, o número representa 6,5% da população adulta do país. Do total de vacinados, mais de 90% foram imunizados com a coronavac.

Foto: Governo de São Paulo

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Notícias em 30