Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Guilherme Maldaner

Campinas acumula mais de 36 mil pedidos de seguro-desemprego durante a quarentena e alta é de 14,3% em 1 ano

A cidade de Campinas acumulou 36 mil e 512 pedidos de seguro-desemprego durante os meses de maior restrição da quarentena contra a covid-19. Segundo dados do Ministério da Economia, houve uma alta de 14,3% neste período da segunda quinzena de março até o fim de setembro, em relação a 2019.

Os meses de abril, maio e junho foram os que tiveram o maior número de requisições. Também foi o período da quarentena em que a cidade teve a economia mais afetada, devido às restrições.

Nos últimos 60 dias, houve uma queda no número de pedidos do seguro, ao mesmo tempo em que Campinas aumentou sua flexibilização. Atualmente, a cidade se encontra na fase verde do Plano São Paulo.

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

O Terço