Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Ericka Araújo

Cidades da região de Campinas estão sem vacina pentavalente

A vacina pentavalente está em falta nas unidades básicas de saúde de Indaiatuba e Sumaré. De acordo com a Administração Municipal das duas cidades, o envio de doses por parte do Ministério da Saúde tem sido irregular e em quantidades insuficientes, o que impacta a redistribuição para a população.

Em Indaiatuba, a prefeitura orienta que pais ou responsáveis procurem as UBSs (Unidade Básica de Saúde) de referência e deixem um cadastro com os dados pessoais para que a equipe entre em contato assim que chegar um novo lote.

Para a pediatra e imunologista da Unicamp Denise Leite Caldeira a falta desta vacina é preocupante.

Questionado sobre a falta do vacina, o Ministério da Saúde informou, por meio de nota, que a vacina pentavalente é adquirida por meio do Fundo Rotatório para Aquisições de Imunobiológicos da Opas (Organização Pan-Americana da Saúde), pois não possui registro no Brasil.

Além disso, informou que neste ano já foram distribuídas três milhões de doses aos estados e que, por se tratar de importação de vacina sem registro no país, o produto precisa passar por análise do INCQS (Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde) antes da distribuição.

A Pasta afirmou que assim que os próximos lotes, que já estão em posse do Ministério da Saúde forem liberados, novas doses serão enviadas aos estados. Enquanto isso não acontece, a Pasta orienta que os profissionais de saúde de municípios com baixo de estoque da vacina façam o agendamento da vacinação.

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Rádio Brasil Campinas - A Rádio da Nossa Gente!