Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Stefani Pereira

“Como medida para frear a circulação do vírus, o real impacto teremos que aguardar para ver. O que teria uma eficácia maior, seria um lockdown, mas como temos acompanhado praticamente pouquíssimos lugares têm força política para implantar essa medida mais drástica…” diz infectologista

Em entrevista ao Jornal Brasil Agora 1° edição o médico infectologista do Hospital PUC-Campinas e professor da Faculdade de Medicina da PUC-Campinas André Giglio Bueno falou da última restrição anunciada pelo Governo do Estado de São Paulo que restringe a circulação de pessoas das 23:00 às 05:00 em todo o estado.

“Como medida para frear a circulação do vírus, o real impacto teremos que aguardar para ver. O que teria uma eficácia maior, seria um lockdown, mas como temos acompanhado praticamente pouquíssimos lugares têm força política para implantar essa medida mais drástica…” disse André.

Ouça a entrevista na íntegra.

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Destaques