Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Daniele Silva

Cresce o número de multas por uso de celular ao volante, em Campinas

Usar o telefone celular e dirigir ao mesmo tempo tem se tornado um hábito cada vez mais frequente para os motoristas que trafegam pela cidade de Campinas. Segundo a Emdec (Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas), em 2017 foram aplicadas 22.221 multas a motoristas que usaram o celular ao volante, o equivalente a uma média de 61 multas por dia.

O professor do curso de engenharia civil da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), Creso de Franco Peixoto, explica que para o motorista manter a atenção no percurso é necessário que haja no mínimo uma interação visual, atitude que não ocorre ao se usar o aparelho.

Apesar do perigo que o uso do celular no trânsito oferece, o que mais se vê pelas ruas de Campinas são motoristas que ainda desafiam a lei. Thiago Santos, de 30 anos, usa constantemente o telefone em seu trabalho para atender clientes e confessa que às vezes faz uso do celular ao volante.

Peixoto ainda ressalta que as pessoas que utilizam o telefone celular enquanto dirigem não imaginam o risco que corre. Segundo ele, os motoristas ficam mais preocupados em serem multados por um agente de trânsito do que propriamente com a vida do próximo. O especialista ainda explica que deve ser feita uma análise de prioridade.

Diferentemente de Thiago, o taxista Fábio Lucas Silva, de 37 anos, vê o perigo do uso do celular ao volante e age sempre com cautela.

Conforme previsto no Código de Trânsito Brasileiro, dirigir um veículo utilizando celular ou fones nos ouvidos conectado a aparelhagem sonora constitui uma infração média. A multa é de R$ 85,13 e quatro pontos na habilitação.

Imagem: Divulgação

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Rádio Brasil Campinas - A Rádio da Nossa Gente!