Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Luiz Felipe Leite

Dário Saadi cita lockdown caso pandemia continue avançando; cirurgias eletivas nos hospitais particulares estão suspensas em Campinas

A Prefeitura de Campinas anunciou a suspensão das cirurgias eletivas nos hospitais particulares da cidade, por causa da piora da pandemia da Covid-19 no Município. A medida deve valer a partir da próxima quarta-feira (17) e foi anunciada em um vídeo gravado pelo prefeito Dário Saadi (Republicanos) e exibido na 2ª edição do Jornal Brasil Agora desta segunda-feira (15).

As exceções pra suspensão serão as operações oncológicas e cardiológicas. Uma comissão interna de cada hospital vai autorizar ou não cirurgias consideradas essenciais. Na rede pública municipal, as cirurgias eletivas já estavam suspensas.

A decisão da Prefeitura de Campinas foi tomada durante uma reunião feita no Salão Vermelho do Palácio dos Jequitibás, com representantes de hospitais públicos e privados e de planos de saúde, com exceção do Hospital de Clínicas da Unicamp.

Segundo o prefeito Dário Saadi, que lamentou as mais de duas mil mortes na cidade causadas pelo vírus, a situação está em um nível extremo e ações mais duras, como o lockdown, estão sendo avaliadas.

Na sequência o prefeito de Campinas fez novamente um apelo à população pela manutenção das medidas já determinadas pelo Governo do Estado contra o avanço da pandemia, mas principalmente em evitar aglomerações.

De acordo com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Campinas, por meio de nota, o prefeito Dário Saadi deve se reunir, virtualmente, nesta terça-feira (16) com os prefeitos das outras cidades da Região Metropolitana pra discutir medidas mais restritivas contra o avanço do novo coronavírus.

Imagem: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Campinas

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

O Terço