Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Celina Silveira

DRS-Campinas registra queda de 8% no número de casos de Covid-19, mas óbitos sobem 12%

As novas infecções por covid-19 desaceleraram no Departamento Regional de Saúde de Campinas (DRS-7) que abrange 42 municípios. 

Na 13ª semana epidemiológica, que corresponde ao período de 28 de março a 03 de abril, 11,4 mil novos casos da doença foram registrados, queda de 8% em relação à semana anterior, quando 12,4 mil casos foram registrados. Por outro lado, o número de mortes segue em alta, foram 548 vítimas fatais, 12,3% a mais que as 488 mortes confirmadas na semana anterior. Os dados são do Observatório PUC-Campinas. 

Na RMC (Região Metropolitana de Campinas), os dados são semelhantes. As novas contaminações registraram queda de 8%, no entanto, 548 vidas foram perdidas na última semana, 6,5% a mais que o total de mortes confirmadas na semana anterior. O município de Campinas continua com o maior índice de mortalidade da região, com 209 óbitos por 100 mil habitantes, segundo o Observatório.

Para o secretário municipal de Saúde, Lair Zambon, o mês de abril pode ser o pior para o país em números de óbitos desde o início da pandemia de coronavírus. No entanto, em Campinas, o secretário afirma que a situação deve ser diferente porque a cidade decretou medidas restritivas no início de março.

Segundo Andrea Von Zuben, diretora do Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa) de Campinas, a queda nos indicadores de novos casos apontam para o início da estabilização da Covid-19 na cidade. 

Ela afirma ainda que, em geral, a população de Campinas seguiu as recomendações das autoridades sanitárias durante o feriado da Páscoa e a expectativa é que não haja aumento de internações por Covid-19 nas próximas semanas.

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Nenhum evento encontrado!