Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Guilherme Maldaner

Em um ano de covid, 2 a cada 3 doentes entubados em UTI morreram no Brasil

O agravamento do novo coronavírus em um paciente faz com que as equipes médicas de UTIs realizem a intubação em quase metade dos internados. Mesmo assim, deste número, duas a cada três pessoas não resistem e morrem durante o tratamento.

Os dados são do projeto “UTIs Brasileiras”, da Amib, Associação de Medicina Intensiva Brasileira, em parceria com a empresa Epimed. A pesquisa trouxe os dados de 98 mil internações desde o dia 1º de março de 2020.

Os números apontam que, dos 46,3% que precisaram de ventilação mecânica nas UTIs em um ano, 66,3% morreram. O maior fator para este número é a gravidade da doença, que faz a evolução causar mortes.

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Nenhum evento encontrado!