Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Celina Silveira

Governo de São Paulo deve enviar medicamentos para internados com Covid-19 nos próximos dias, afirma infectologista

As internações por Covid-19 subiram 20% na região de Campinas após aumento de casos registrados na 12ª Semana Epidemiológica. Entre os dias 21 e 27 de março, mais de 2.000 pessoas foram internadas na região. Os dados são do Observatório PUC Campinas.

Em entrevista à Rádio Brasil, o infectologista do Hospital PUC Campinas, Dr. André Giglio Bueno, afirma que estão programados para as próximas semanas novos repasses de medicamentos, como sedativos, necessários para a assistência de pessoas que estão internadas com Covid-19.

O infectologista André Giglio Bueno afirma também que os contratos mais recentes assinados pelo Ministério da Saúde para aquisição de mais vacinas contra a Covid-19 são importantes, mas que a vacinação contra a Covid-19 só deve acelerar no próximo semestre, já que neste momento, o Brasil tem disponíveis apenas doses da coronavac, distribuídas pelo Instituto Butantan, e da vacina de Oxford e Astrazeneca, distribuída pela Fiocruz. 

Dados do Vacinômetro SUS, sistema organizado pelo Ministério da Saúde, apontam que até esta sexta-feira (02), 20.458.117 doses de vacinas contra a Covid-19 foram aplicadas e 4.512.063 brasileiros receberam as duas doses de um imunizante.

No estado de São Paulo, o Vacinômetro do governo estadual aponta que 6.289.730 doses de um imunizante contra a Covid-19 foram aplicadas e 1.582.994 paulistas completaram o esquema vacinal contra a doença.

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Santa Missa – Par. Sta Rita