Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Luiz Felipe Leite

Governo de SP anuncia novo plano de ampliação da retomada das aulas presenciais

Um novo plano de ampliação da retomada das aulas presenciais da Educação Básica no Estado de São Paulo, pro mês de agosto, foi anunciado nesta quarta-feira (16). A novidade foi informada em uma coletiva de imprensa, realizada no Palácio dos Bandeirantes, sede do Governo Paulista. As aulas presenciais foram suspensas e retomadas em vários momentos desde o começo da pandemia da Covid-19, em março do ano passado.

Nesta nova etapa, pra calcular a porcentagem de alunos permitidos, será levada em consideração a capacidade total das unidades e não mais o total de matrículas. O distanciamento mínimo entre as pessoas será de 1 metro e não mais de 1,5 metro. Cada escola irá elaborar o próprio plano de retorno levando em consideração a realidade da comunidade escolar. Contudo, neste momento, a volta às aulas presenciais não será obrigatória pros estudantes.

Ainda segundo o Governo de São Paulo, todos os outros protocolos pro combate ao novo coronavírus como o uso correto de máscara, a medição de temperatura, higienização constante das mãos entre outros serão mantidos. Três milhões de testes de Covid-19 destinados pra profissionais da educação e estudantes estão sendo adquiridos, pra contribuir com o retorno.

De acordo com o secretário de Educação do Estado de São Paulo, Rossieli Soares, as falhas de aprendizagem, em especial em português e matemática, e sócio emocionais dos alunos só vão piorar caso as aulas presenciais não sejam retomadas. No entanto, caso a pandemia da Covid-19 volte a piorar em níveis intensos, um novo fechamento das escolas não está descartado.

Ainda na coletiva de imprensa foi confirmada a abertura de um pré-cadastro pra voluntários dos testes da ButanVac, vacina contra a Covid-19 que está sendo estudada pelo Instituto Butantan. Atualmente outro imunizante produzido pelo instituto, a CoronaVac, está em uso no Brasil. Segundo o diretor-presidente do Butantan, Dimas Covas, os interessados devem acessar o site butanvac.butantan.gov.br pra mais informações sobre o tema. Os testes em humanos devem durar aproximadamente 17 semanas e foram autorizados pela Anvisa, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária.

Pra mais informações sobre a pandemia da Covid-19 em São Paulo, é necessário acessar o site saopaulo.sp.gov.br.

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Nenhum evento encontrado!