Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Luiz Felipe Leite

Isenção das contas de água em Campinas vai ser estendida por mais dois meses

A Prefeitura de Campinas anunciou na manhã desta sexta-feira (5) a extensão, por mais dois meses, da isenção das contas de água e esgoto pras pessoas em situação de baixa renda. Devem ser beneficiados 90 mil contribuintes que consomem até dez metros cúbicos de água por mês.

As informações foram divulgadas em uma transmissão ao vivo pela internet, direto do Palácio dos Jequitibás, sede da Prefeitura de Campinas.

A isenção das cobranças de responsabilidade da Sanasa, foi anunciada em março com o objetivo de ajudar as pessoas durante a pandemia do novo coronavírus. Pra terem acesso ao benefício, as pessoas devem estar cadastradas no Cras, que é o Centro de Referência da Assistência Social. Os demais contribuintes continuam a pagar normalmente as contas, mas com os valores baseados na média do que foi pago no mesmo período do ano passado.

Segundo o prefeito Jonas Donizette (PSB), o objetivo da extensão da medida é continuar a apoiar a população de baixa renda de Campinas e que, na maioria dos casos, tiveram uma grande perda de renda causada pelo novo coronavírus. “Nós não vamos depois fazer a cobrança posterior. São pessoas de uma condição realmente muito simples de vida, com muitas dificuldades na subsistência. E muitas delas estão sendo ainda mais afetadas pela pandemia, pois elas dependem do trabalho que fazem num dia pra ganhar o pão do outro dia”, explicou. 

Na avaliação da Prefeitura de Campinas, o aumento no consumo de água na cidade durante a pandemia foi até agora, na média, de 30% pros consumidores residenciais. Enquanto isso houve uma queda no mesmo índice do consumo das indústrias e comércios, por causa da paralisação das atividades econômicas. 

Outro impacto foi o financeiro. Houve uma queda no faturamento da Sanasa de 12% no geral desde o começo da pandemia. 

De acordo com o prefeito Jonas Donizette, a população de Campinas está dando a sua cota de colaboração no combate ao novo coronavírus. “Mas eu quero deixar aqui um agradecimento pra população, pois parece que a nossa inadimplência não teve tanta modificação. Então, teve 12% na queda do faturamento, e a gente tá fazendo os ajustes necessários pra essa nova realidade. Quero aqui agradecer as pessoas. Água, neste momento, é tudo o que não pode faltar”, opinou.

Dúvidas sobre a isenção das contas de água pra população de baixa renda ou do cálculo das médias pras contas que devem ser pagas podem ser esclarecidas no número de telefone 0800 772 1195. 

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Acorda Brasil