Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Guilherme Maldaner

Menino estava preso há cerca de um mês dentro de barril, diz polícia

O menino de 11 anos que foi preso pelo pai adotivo dentro de um barril em Campinas estava no local há um mês, segundo investigação da Polícia Civil. A informação foi divulgada ontem (31) pelo Delegado da 2ª Delegacia de Defesa da Mulher da cidade.

O caso ocorreu no Jardim Itatiaia. Além de amarrada, a criança estava trancada dentro do tambor de metal, que era coberto por uma pia que não permitia a saída do local. O menino quase não conseguia se mexer.

O caso foi descoberto pela Polícia Militar no último sábado (30), quando conseguiram resgatar a criança que estava nua e desnutrida. Segundo os policiais, o menino estava com a cintura, braços e pés acorrentados, além dos pés inchados.

O menino morava com o pai, a namorada e a filha da namorada. Todos foram presos e continuam sob custódia da polícia.

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Nenhum evento encontrado!