Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Luiz Felipe Leite

Número de casos de dengue em Campinas aumentou mais de 155% nos últimos oito dias

Campinas é a segunda cidade mais populosa do Estado de São Paulo, com uma população aproximada de 1.194 milhão de habitantes. E o município está oficialmente em epidemia de dengue.

O número de casos da doença em Campinas cresceu mais de 155% em oito dias, segundo balanço divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde na última terça-feira. A predominância dos casos no município é de dengue do tipo 2.

Considerando todo o Estado de São Paulo, houve um aumento de mais de 2,100% no número de casos da doença registrados neste ano até o momento em relação ao mesmo período de 2018. 83.045 contaminações foram confirmadas nos primeiros meses de 2019 na maior unidade da federação.

Já Campinas contabiliza neste ano 2048 casos de dengue. O total de ocorrências da doença em 1° de abril, segundo balanço divulgado pela Secretaria de Saúde de Campinas, era de 799 casos.

Segundo a bióloga e coordenadora do Programa de Arboviroses da Prefeitura de Campinas, Heloisa Malavazi, a epidemia da dengue na cidade pode ser explicada por fatores sazonais, como a variação de temperatura, além da introdução na região do tipo 2 da dengue.

O aumento do número de casos significa que a sociedade precisa tomar mais cuidado em relação à dengue. Esta é a posição do coordenador dos Programas Nacionais de Controle e Prevenção da Malária e das Doenças Transmitidas pelo Aedes aegypti do Ministério da Saúde, Rodrigo Said.

De acordo com dados do Ministério da Saúde, foram registrados nos primeiros meses deste ano mais de 229 mil casos de dengue em todo o Brasil.

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Destaques