Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Luiz Felipe Leite

Operação Cadeia Alimentar II é realizada em duas cidades da região de Campinas

Duas cidades da Região Metropolitana de Campinas foram alvo de uma operação que investiga fraudes no fornecimento de merenda escolar. A ação foi feita na última terça-feira (26) pelo Ministério Público Federal e pela Polícia Federal. No total foram cumpridos 27 mandados de prisão temporária e 55 de busca e apreensão. As medidas foram autorizadas pela 4ª Vara Federal de Ribeirão Preto.

Existem investigações em contratos para fornecimento de alimentação escolar em 24 cidades, entre elas Americana e Paulínia. Entre os alvos dos mandados estão empresários, ex-prefeitos, servidores e ex-servidores municipais, além de secretários e ex-secretários de prefeituras e uma vereadora. Os nomes dos envolvidos não foram divulgados.

A operação desta terça foi uma continuidade da Operação Cadeia Alimentar, feita em maio do ano passado. Os alvos são investigados por organização criminosa, fraude a licitações, falsidade ideológica, corrupção ativa e passiva e prevaricação, que significa punir o servidor que deixar de cumprir sua obrigação por interesses pessoais.

A Prefeitura de Americana informou que dois dos secretários municipais e uma servidora foram alvos da operação. E que todas as questões sobre o assunto vão ser investigadas e esclarecidas assim que forem divulgadas mais informações.

Já a Prefeitura de Paulínia informou que nenhum órgão ou agente público do município foi alvo da ação.

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Brasil Agora 4ª Edição