Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Luiz Felipe Leite

Passageiros do transporte público em Campinas poderão ser impedidos de embarcar se estiverem sem máscaras à partir de quarta-feira

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette (PSB), disse que a intenção da Administração Municipal é de que, à partir da próxima quarta-feira (13), passageiros sem máscaras de proteção individual sejam impedidos de entrarem nos veículos do transporte público coletivo municipal pelos motoristas. A medida foi anunciada na manhã da última segunda-feira (11), durante uma transmissão ao vivo pela internet direto do Palácio dos Jequitibás, sede da Prefeitura.

A obrigatoriedade do uso de máscaras no transporte público, pra evitar a disseminação do novo Coronavírus, já é válida desde o último dia 4 de maio. Segundo o decreto número 20.854 de 2020, usuários de ônibus municipais, táxis e serviços de transporte por aplicativo devem usar o equipamento durante todo o trajeto, sem exceções.

Ainda de acordo com o prefeito Jonas Donizette, um protocolo vai ser criado pra orientar como os motoristas deverão agir caso alguém tente entrar nos ônibus municipais sem máscaras de proteção individual.

Ainda durante a livre, transmitida nas redes sociais da Prefeitura e da Rádio Brasil Campinas, foi discutido se um rodízio de veículos seria realmente iniciado na cidade. O prefeito Jonas Donizette respondeu que isso não deverá acontecer por enquanto.

Também foi atualizado o número de casos da Covid-19 em Campinas: são 577 confirmações, sendo 16 a mais do que no último sábado (9), com 27 mortes.

Existem também 158 casos em investigação, 67 a menos do que no último sábado e 23 mortes suspeitas sendo investigadas. Ao mesmo tempo 54 pessoas que tiveram o novo Coronavírus em Campinas se recuperaram, enquanto 51 seguem internadas na cidade.

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Acorda Brasil