Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Ericka Araújo

Quatro vítimas são sepultadas nesta quarta-feira em Campinas e Monte Mor; quinta vítima faleceu no hospital

José Eudes Gonzaga Ferreira, de 68 anos, uma das cinco vítimas fatais da tragédia que deixou mais três pessoas feridas, foi enterrado na tarde de quarta-feira no cemitério dos Amarais, em Campinas.

Aproximadamente 60 pessoas estavam presentes no enterro, incluindo a mulher de José Eudes, Maria de Fátima Frazão Ferreira, de 65, que também foi ferida durante o tiroteio, com um tiro na coxa e, assistiu o velório e o enterro em uma cadeira de rodas. Ela foi até a Catedral de Campinas para levar o almoço ao marido e acabou ficando para assistir junto com ele a missa.

Segundo Maria Joana da Silva Santos, de 84 anos, parente da vítima, José Eudes, ou Santinho como era conhecido, estava diariamente na Catedral Metropolitana de Campinas e vendendo santinhos no entorno da igreja.

O padre Antonio Rodrigues Alves, assessor de comunicação e imprensa da Arquidiocese de Campinas, que celebrou o rito das Ezéquias do velório de José Eudes, comentou sobre a tragédia.

Na quarta-feira, também foram realizados os enterros de Sidnei Vitor Monteiro, no Cemitério do Parque das Flores, em Campinas. Cristofer Gonçalves dos Santos, no Cemitério dos Amarais, Elpídio Alves Coutinho no Cemitério Municipal de Monte Mor. E o atirador, Euler Fernando Grandolpho, foi sepultado no Cemitério do Flamboyant, em Campinas.

As informações sobre o velório e sepultamento da quinta vítima, Heleno Severo Alves, de 84 anos, que faleceu na tarde de quarta-feira, ainda não tinham sido divulgadas até o fechamento desta matéria.

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Musical Católico