Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Celina Silveira

Recursos para o enfrentamento da pandemia em Campinas esgotam em março

O Comitê de Enfrentamento à Pandemia da Covid-19 em Campinas está em alerta com o fim dos recursos financeiros para o combate à doença.

Desde o início da pandemia, Campinas recebeu o total de R$ 142.435 milhões para o enfrentamento da doença. Do total, mais de R$ 116  milhões já haviam sido empenhados para a manutenção de leitos de UTI e enfermaria e insumos até o final do ano passado.

Em 2021, o Fundo Municipal de Saúde de Campinas iniciou o ano com cerca de R$ 26 milhões e recebeu mais R$ 12 milhões do governo estadual para a manutenção dos leitos instalados na Rede Mário Gatti. 

Em média, segundo a Secretaria Municipal de Saúde, são gastos R$ 13 milhões por mês com o enfrentamento à pandemia em Campinas.

De acordo com o diretor do Fundo Municipal de Saúde, Reinaldo Antonio de Oliveira, os recursos financeiros para o combate à pandemia devem ser esgotados em março e se Campinas não receber novos repasses dos governos federal e estadual, a cidade terá de cortar gastos para manter o enfrentamento à pandemia da Covid-19.

Em janeiro deste ano, após negociações do deputado federal Carlos Sampaio (PSDB) e da ABRASEL, a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes da RMC, o governo de São Paulo chegou a sinalizar que repassaria mais R$ 8 milhões para financiar a abertura de novos leitos de UTI em Campinas, mas até o presente momento o recurso não foi disponibilizado. 

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Estação Brasil