Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Felipe Zangari

Reflexão Dom João Inácio – 28-03-20

Ouça aqui a mensagem de Dom João Inácio para este sábado.

Paz e benção, Felipe bom dia, bom dia a sua equipe, bom dia a você que a partir de casa está acompanhando a Rádio Brasil, hoje, sábado. Sábado, ainda da quarta semana da quaresma, amanhã, domingo, quinta semana da quaresma e assim nós vamos nos aproximando do Domingo de Ramos e a seguir a semana maior, como a igreja chama, ou a Semana Santa, que você tenha saúde, que você continue se cuidando, eu pelo que eu leio, e certamente a Rádio Brasil informa isso cada pouco, pelo que eu também acompanho, os nosso jornais dizem que de fato, o distanciamento social é o melhor que nós podemos fazer.

os números aqui no estado de São Paulo estão crescendo menos em percentual, do que os números Brasil a fora, então busquemos permanecer em casa e estejamos atentos, nós também temos pessoas bem jovens que estão sendo afetados pelo vírus.

Hoje nós lemos na liturgia um texto de Jeremias e um outro texto de João, capitulo sete, eu queria ler pra você o texto de Jeremias, como a palavra de Deus escrita por pessoas, mas sempre dirigidas, inspiradas pelo Espírito Santo, como lá longe, antes, anos antes de Jesus, parece que aquilo que aconteceu com Jesus foi escrito tal igual, parece que de fato o Espírito Santo, como nós sabemos é assim mesmo, tudo sabia,e ele foi escrevendo. Então aqui, neste texto de Jeremias que nós lemos hoje, está escrito assim:

‘Senhor, avisaste-me e eu entendi, fizeste me saber as intrigas deles, eu era como manso cordeiro levado ao sacrifício e não sabia que tramavam contra mim.Vamos cortar a árvore em toda a sua força, eliminá-lo do mundo dos vivos para seu nome não ser mais lembrado, e tu, Senhor dos exércitos, que julga com justiça e perscruta os afetos do coração concede que eu veja a vingança que tomarás contra eles, pois eu te confiei a minha causa.’.

Então a gente nesse texto já entrevê a paixão por ser jogado fora de Jesus, e a confiança irrestrita dele no Pai. O texto do evangelho que hoje vocês escutam, que nós escutamos pela Rádio Brasil, ele nos fala de maneira muito clara, hoje, do preconceito que existe e que se cria ao redor de Jesus, ninguém de fato se interessa a fundo a pesquisar e em saber em conversas com Jesus, quem Ele é, donde Ele vem. E quando Ele fala disso de maneira clara, parece que as pessoas fecham o seu coração, fecham a sua inteligência para não compreender, exatamente para poderem se manter no preconceito.

A questão central é, Deus realmente é este Jesus?Esta é a questão, como é difícil aceitar que Deus se encarnou, que Deus se fez gente, que Deus assumiu a limitação, que Deus caminhou como nós, que Deus teve que comer como nós,que ele também cansava, que Deus não voava. Como é difícil entender, que Deus, pelo seu amor quis conviver conosco,entrar na nossa humanidade, tocar em tudo aquilo que é humano, para tudo que é humano poder salvar.É difícil para nós entender isso, mas a igreja nos ensina que aquilo que não foi assumido por Jesus, Ele não salvou, Ele não podia salvar.Então Jesus assumiu toda a nossa humanidade.

E nós que estamos nesse tempo de quaresma, caminhando com Jesus, busquemos nos manter no caminho da conversão. Se você está em casa e pensa que não faz nada, não pode fazer nada para ajudar outras pessoas, que digamos assim, está em falta com a caridade, sente – se em uma cadeira, ou ajoelhe-se durante o dia de vez em quando e reze pelas pessoas que estão lá na linha de frente.

Ontem eu estava conversando com a diretora do hospital, a enfermeira Ana Luiza e ela me pedia duas coisinhas: Fique em casa, e a outra coisinha, reze por nós. Eu disse pra ela assim: ‘Rezo por vocês’. Eu também prometi pra ela ontem, que era sexta-feira, rezarei a Via Sacra nas intenções de vocês.Então nós podemos rezar pelas pessoas que estão na linha de frente, façamos isso.

E hoje sábado, é óbvio, eu diria a você ai qm casa, hoje precisa reunir a sua família para rezar o terço. Sábado sempre é o dia que a igreja assim dedica à Nossa Senhora, então hoje reze o terço com os seus familiares para vocês terem unidade, para vocês juntos ajudar a se manter nesse tempo difícil, pra vocês se cuida, rezem uns pelos outros, rezem por mim, rezem pelos nossos padres e reze pelas pessoas que estão na linha de frente.

Que Deus, por intercessão da nossa padroeira, Nossa Senhora da Conceição, que sempre é a Senhora da Saúde, a Senhora dos Remédios, que ela derrame as suas graças, suas bençãos sobre cada um e cada uma de vocês. Em nome do pai, e do Filho e do Espírito Santo. Amém! Abençoado sábado.

Santa Missa