Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Luiz Felipe Leite

Tribunal de Justiça determina liberação de presos da Operação Ouro Verde

O TJ-SP (Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo) concedeu habeas corpus para nove investigados presos durante a Operação Ouro Verde. A decisão, da 16ª Câmara de Direito Criminal do TJ, foi cumprida na manhã desta quarta-feira.

Um dos réus beneficiados com a liberdade provisória foi o ex-secretário de Assuntos Jurídicos de Campinas, Silvio Bernardin, exonerado no fim do ano passado. O médico Gustavo Khattar de Godoy, filho de Sylvino de Godoy Neto, diretor presidente licenciado do jornal Correio Popular, também recebeu a liberdade provisória.

Também foram soltos o lobista Fernando Vitor, Ronaldo Foloni, Thiago Pena, João Carlos da Silva Júnior, Danilo Silveira, Felipe Braz e Alcir Fernandes Pereira.

A Operação Ouro Verde investiga desvios financeiros do Hospital Ouro Verde no período que a unidade foi administrada pela Organização Social Vitale.

Informações mais completas sobre a decisão do Tribunal de Justiça não foram divulgadas até o fechamento desta matéria.

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Nenhum evento encontrado!