Rádio Brasil Campinas | AM 1270

Por Stefani Pereira

”Uma das razões principais disso é que já no período pré-pandemia, as coberturas vacinais em adolescentes são muito baixas. Isso é uma característica não só nacional, mas no mundo inteiro…” diz representante da SBIm

Em entrevista ao programa Brasil Agora, o representante da Sociedade Brasileira de Imunizações no Rio Grande do Sul e Chefe da Unidade de Adolescentes do Hospital de Clínicas de Porto Alegre Ricardo Feijó falou da campanha lançada pela Sociedade Brasileira de Imunizações ”Quem vacina, não vacila” para reforçar a importância do cumprimento do calendário de vacinação dos adolescentes.

”Uma das razões principais disso é que já no período pré-pandemia, as coberturas vacinais em adolescentes são muito baixas. Isso é uma característica não só nacional, mas no mundo inteiro…” disse Ricardo.

Ouça a entrevista na íntegra.

 

Deixe o seu comentário

* campos obrigatórios.

Espaço Cidadão